#ZPDailyReview: Nick Cave – Idiot Prayer – Nick Cave Alone At Alexandra Palace

Gosta do trabalho do ZonaPunk?
Então se torne um apoiador e ajude-nos a manter o site ativo: https://apoia.se/zonapunk

Todo dia um review rápido, uma indicação do que ouvir e o caminho das pedras:

Nick Cave – Idiot Prayer – Nick Cave Alone At Alexandra Palace (2020)

Em junho deste ano, durante o período de lockdown no Reino Unido, Nick Cave fez uma live no Alexandra Palace, em Londres. Somente acompanhado de seu vozeirão e seu piano, Cave transmitiu a classuda apresentação com direção de Robbie Ryan (A Favorita, História de um Casamento, etc) – que captou com maestria o contraste entre o local grandioso e imponente, perante o frágil e solitário humano e sua arte em tempos pandêmicos. A live foi paga e depois liberada em streaming via pay-per-view. Agora, meses passados, a apresentação é lançado no formato áudio.
O clima intimista e de solidão fazem a cama para as 22 faixas que preenchem o set-list. Nele, Cave relembra canções da fase Grinderman, dos Bad Seeds e faixas de seu trabalho mais recente, o depressivo “Ghosteen”, que trata sobre a morte de seu filho.
Classudo como poucos, “Idiot Prayer” é um banho de interpretação, com o músico cantando com o coração no bico da chuteira. Mas claro, pode se tornar algo cansativo para quem não for iniciado no cancioneiro do músico, já que o formato piano e voz não muda durante a hora e meia de material.
Uma obra de arte.
Lançado em CD, LP e digital.