Bob Mould irá lançar gigantesco box de cds com toda sua discografia e extras

Gosta do trabalho do ZonaPunk?
Então se torne um apoiador e ajude-nos a manter o site ativo: https://apoia.se/zonapunk

Já está rolando pré-venda (internacional) de “Distortion: 1989-2019”, box que reune o material da carreira solo de Bob Mould – e do Sugar.

Apresentado como um livro de capa dura de 12″ x 12″, esta enorme antologia compila – pela primeira vez – o trabalho gravado de Bob Mould de 1989 em diante: 18 álbuns de estúdio, mais 4 álbuns ao vivo e 2 álbuns de raridades e colaborações. Montado com o envolvimento total de Bob Mould, apresentando novas notas de capa do crítico musical Keith Cameron e novas obras de arte exclusivas de Simon Marchner, este é o retrato definitivo de um ícone do rock americano.

É chamado de Distortion porque descreve a música e se encaixa no mundo em que vivemos”, diz o próprio Mold.

Com a trajetória musical de Mould entrando em sua quinta década, agora é o momento perfeito para refletir sobre sua jornada. O box set com 24cds apresenta 295 faixas, masterizadas por Jeff Lipton e Maria Rice na Peerless Mastering em Boston, e inclui todos os álbuns solo, de “Workbook” de 1989 a “Sunshine Rock” de 2019, todo o catálogo do Sugar, os projetos eletrônicos há muito tempo fora de catálogo, e 4 álbuns ao vivo no período de 1989-2008.

Também está incluído “Distortion Plus: 1989-2019”, uma coleção nova e exclusiva de raridades e colaborações, apresentando destaques como ‘Dear Rosemary’, a colaboração de Mould em 2011 com Foo Fighters, sua lendária contribuição com Golden Palominos ‘Dying From The Inside Out’, mais uma versão demo inédita de ‘Dog On Fire’, sua música tema para o The Daily Show do Comedy Central.

O livreto de 72 páginas apresenta textos de Cameron, novas entrevistas com Bob, um prefácio do escritor e ator Fred Armisen, depoimentos de Richard Thompson, Shirley Manson e Bethany Cosentino do Best Coast, além de letras e memorabilia inédita.

A caixa de CD exclusiva da Amazon, estritamente limitada a 1000 unidades em todo o mundo, apresenta a caixa e um print exclusivo de 12” x 12” assinada à mão por Bob Mold.

Também será lançado em 2 de outubro, o primeiro de uma série de 4 conjuntos de caixas de vinil abrangendo o mesmo período de 30 anos. “Distortion: 1989-1995”, um box de 8LPs.

Cada álbum é masterizado por Jeff Lipton e Maria Rice, prensado em vinil transparente de 140g e apresenta uma nova capa de Simon Marchner, além de um livreto de 28 páginas com novos textos, letras e memorabilia.

A edição em caixa de vinil – estritamente limitada a 750 cópias em todo o mundo – inclui uma tela impressa de 12” x 12” da nova capa do álbum “Copper Blue”, assinada à mão pelo ilustrador Simon Marchner e Bob Mould.

Links para pré-venda: box de cds e box de lps.